Dia 3 (segunda-feira): A família é um foco de irradiação que ilumina e aquece o coração de todos. Quando todas as famílias forem fonte de luz, este mundo tornar-se-á uma única grande família, cheia de luz e de esperança. (Francisco Xavier Nguyen Van Thuan, O Caminho da Esperança, edição Paulinas, pág. 105, nº 502)

Dia 4 (terça-feira): Antes de tudo, a Eucaristia é sobremaneira sacrifício, devendo subordinar-se-lhe e ordenar-se-lhe o resto do culto. (Papa João Paulo I; Papa Luciani – 366 pensamentos, edição Paulinas, pág. 116, nº 30)

Dia 5 (quarta-feira): Um único ato de amor a Deus, feito num momento de aridez espiritual, vale mais do que cem atos de amor, feitos nos momentos amenos e consoladores. (S. Pio Pietrelcina; O Grande Amor de Deus – 365 dias com Padre Pio, edição Paulus, pág. 93, nº 2)

Dia 6 (quinta-feira): A fortaleza é a filha mais velha da coragem que provém de Deus; já os Anjos a possuíam. A humildade, porém, é a filha mais nova e, por isso, a filha mais querida do Senhor Deus! (Gabriela Bitterlich)

Dia 7 (sexta-feira): Fica tranquilo se exprimiste uma opinião ortodoxa, ainda que a malícia de quem te escutou o leve a escandalizar-se. Porque o seu escândalo é farisaico. (S.J.E., Caminho, Edições Prumo, pág. 161, nº 349)

Dia 8 (sábado): Um erro reconhecido com simplicidade é uma vitória ganha. (Caroline L. Gascoigne)

Dia 9 (domingo): É verdade, o teu pior adversário está dentro de ti: és tu próprio, quando te transformas em agente secreto que trabalha em duas frentes, a de Deus e a do demónio. (Francisco Xavier Nguyen Van Thuan, O Caminho da Esperança, edição Paulinas, pág. 68, nº 315)